anette-hanshaw-grande A música “You’re The Cream In My Coffee” foi interpretada nos Loucos Anos 20 pela cantora de Jazz norte-americana Annette Hanshaw, conhecida como “The Personality Girl”.

 

 

Annette Hanshaw, a rapariga com personalidade

Mas, afinal quem foi Annette Hanshaw? A cantora nasceu em 1901 e foi um dos nomes da Idade do Jazz da história dos Estados Unidos. Com o fim da Grande Depressão, o desejo de evasão tomou conta dos norte-americanos: os bares encheram-se e a ânsia de aproveitar os prazeres da vida levou à opção por um estilo de vida boémio, mais relaxado, onde o Jazz era um dos ingredientes principais.

A ingenuidade de Annette Hanshaw e a doçura da sua voz contrastavam com o espírito de flapper, palavra usada para designar jovens mulheres que para a época eram muito arrojadas: vestiam-se com saias curtas, usavam maquilhagem, bebiam, fumavam e conduziam carros.

“Personality Girl” ou, em português, “Rapariga com Personalidade” era a alcunha da cantora. No final de cada canção costumava dizer “that’s all” ou “é tudo” em jeito de despedida. Com o passar do tempo, esta pequena expressão tornou-se numa espécie de imagem de marca.

Entre os anos 20 e 30, Hanshaw gravou com várias editoras, contribuindo com a sua voz para a criação de inúmeras coletâneas. O seu nome próprio era usado na maioria dos casos, no entanto por vezes a artista assinava com pseudónimos, como Ethel Bingman, Marion Lee ou Lelia Standford.

O seu primeiro e único papel no cinema deu-se em 1933, numa curta-metragem da Paramount chamada “Captain Henry’s Radio Show“. No final da década de 30, Annette Hanshaw decidiu reformar-se do meio artístico. A cantora casou-se com um homem  de negócios de uma das produtoras com quem havia trabalhado e decidiu viver uma vida de dona de casa.

Mais tarde, quis voltar à música e chegou inclusive a gravar duas versões demo. No entanto, as músicas nunca chegaram a ser publicadas. Com 83 anos, a artista faleceu em Nova Iorque, vítima de cancro. Ainda assim, as suas canções persistiram através do tempo e foram recuperadas por algumas editoras.

Em 1999, a Sensation Records lançou um coleção com músicas de Annette Hanshaw. Mais recentemente, em 2008, o seu trabalho foi utilizado na produção na longa metragem de animação “Sita Sings the Blues“.

Recorde a artista e volte atrás no tempo até à Idade do Jazz dos Loucos Anos 20. Clique aqui e descarregue “You’re The Cream In My Coffee“, uma canção popular na voz de Annette Hanshaw.